Data

08 Jun 2017



Fonte

Diário de Notícias





Partilhar
Partilhar no Facebook Partilhar no Twitter



Ordem dos Médicos do Norte considera

O presidente da Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos (SRNOM) considerou hoje

"Neste momento, os argumentos apresentados não são de todo convincentes, nós gostávamos de ter acesso ao relatório que dizem que foi elaborado e que conclui que Lisboa seria o local ideal para receber a agência, de forma a podermos contestar, com conhecimento de causa, as suas conclusões", afirmou António Araújo, presidente da SRNOM.A decisão de candidatar Portugal a receber esta agência, atualmente instalada no Reino Unido, foi tomada a 27 de abril, pelo Conselho de Ministros, segundo uma resolução publicada em Diário da República no passado dia 5 de junho.

A mesma resolução cria a "Comissão de Candidatura Nacional para a instalação da Agência Europeia do Medicamento na cidade de Lisboa" na qual participam várias entidades, entre as quais a Câmara Municipal de Lisboa.

Em declarações à Lusa o presidente da SRNOM considerou que "esta decisão é incompreensível porque o Norte tem o principal Health Cluster do país, tem duas das mais importantes faculdades de medicina, tem as principais indústrias farmacêuticas de referência a nível nacional, tem os principais centros de investigação clínica e tem instalações. Lisboa já tem duas agências europeias".

 

Poderá consultar a notícia no seguinte endereço.